Regional

Aneel proíbe corte de luz de família de baixa renda: veja as regras para consumidores da Energisa em RO

Medida visa amenizar a crise provocada pela segunda onda da pandemia da Covid-19. Mulheres são 70% dos inscritos no cadastro da tarifa social de energia elétrica em Rondônia

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) proibiu na última semana o corte de energia elétrica de famílias de baixa renda por falta de pagamento. A medida valerá até 30 de junho.

A agência também proibiu o cancelamento da tarifa social de quem atualmente tem o benefício. Em Rondônia a Energisa informou que já está ciente e cumprindo a medida.

Segundo a Energisa, para se cadastrar na tarifa social o cliente titular pode entrar em contato com os canais digitais de atendimento, como o: Whatsapp Gisa (69 9 9358-9673), ou ir até uma agência de atendimento para se cadastrar.

Para cadastro é necessário apresentar CPF, documento de identificação oficial com foto, ou ainda, o RANI no caso de indígenas. Também é necessário informar o código da unidade consumidora a ser beneficiada, o número de identificação social ou, no caso de recebimento do benefício de prestação continuada, o número do benefício e o relatório e atestado médico.

No estado, o número de inscritos na tarifa social saltou de 31 mil para 93 mil nos dois últimos anos, sendo que sete em cada 10 beneficiárias em Rondônia são mulheres.

“As mulheres são 70% dos inscritos no cadastro da tarifa social de energia elétrica em Rondônia. A situação espelha a vulnerabilidade social desse grupo, que enfrenta desafios diários para cuidar das famílias e ficou ainda mais vulnerável na pandemia de Covid-19”, informou a empresa.

Comentários Facebook
Fonte
G1 RO

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo