Vilhena

Filho confessa ter matado mãe em Vilhena; “cansei de ver seu sofrimento”

Filho de sargento da PM de Alta Floresta.

O homicídio foi registrado por volta das 16h30 deste sábado, 28 de Março, na rua José Fabiano Pinto, no bairro Orleans, em Vilhena.

Um jovem por nome Evandro, de apenas 22 anos, executou a própria mãe com uma facada no intuito de acabar com o sofrimento da mesma, que sofria de depressão.

Pessoas ligadas a família conversaram com a reportagem e disseram que o garoto havia dito que estava cansado de ver a mãe sofrendo por crises depressivas e que iria “dar um jeito de acabar com o sofrimento da mesma”.

Ao retornar para casa, o jovem aproveitou-se do momento em que seu pai não estava para executar a mãe a facadas.

O pai de Evandro, é sargento aposentado da Polícia Militar de Alta Floresta e desde então morava em Vilhena.

Após cometer o crime, com a chegada da PM, o jovem se entregou saindo para fora do portão, se ajoelhando e erguendo as mãos para o alto.

Ele foi encaminhado para Unidade Integrada de Segurança Pública (UNISP) e deve ser levado para Casa de Detenção.

O Corpo de Bombeiros Militares constatou o óbito da vítima de aproximadamente 48 anos de idade.

A área foi isolada para perícia da Polícia Técnico-Científica (POLITEC) e após isto, o corpo foi liberado para funerária de plantão.

Carlos Mont Serrate/ Cássio Rauta/ Claudemir Sabino 


Comentários Facebook
Fonte
Rota Policial News
Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar