Policial

Mulher é esfaqueada até a morte e marido precisa fingir óbito para escapar de criminosos em Vilhena

O caso aconteceu na zona rural da região, PM e Corpo de Bombeiros estiveram no local

Uma residência foi invadida na zona rural de Vilhena, próxima à cidade, durante a madrugada desta quinta-feira (29 de abril). Os moradores acabaram sendo feridos e uma senhora morreu esfaqueada pelos criminosos.

Segundo as informações prestadas pelo sobrevivente ao atentado, os criminosos invadiram a casa durante a madrugada e encontraram a esposa da vítima. Nesse momento, ela foi esfaqueada até a morte. Os dois suspeitos então esfaquearam o homem também.

A vítima então decidiu simular a própria morte para conseguir escapar dos criminosos. Após se apossarem de uma motocicleta, os suspeitos fugiram. Eles tentaram levar também uma botija de gás, mas acabaram desistindo. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar estiveram no local dos fatos e a vítima foi recolhida ao Hospital Regional de Vilhena.

O caso deverá ser registrado na Unidade Integrada de Segurança Pública (UNISP) de Vilhena, para medidas aplicáveis pela Polícia Civil.

Texto e Foto Folha de Vilhena

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo